O que é mais importante: O Talento ou a Santidade?

verdade_mentira

O QUE É MAIS IMPORTANTE: TALENTO OU SANTIDADE?

Você acredita em tudo que os outros falam? Ou você procura averiguar as informações antes de acreditar? Você acredita em tudo que lê na internet? Você forma sua opinião a partir daí? Ou procura saber mais antes de julgar?
Tenho visto na internet muitos irmãos acreditando em fofocas, mentiras e difamações que são jogadas nas redes sociais contra servos e servas de Deus, vejo muitos que se dizem crentes ajudando a espalhar fofocas, criticando homens (e mulheres) de Deus sérios, pessoas que andam de forma reta, que vivem uma vida de renúncia  e retidão na Palavra de Deus. E porque criticam? Muitos criticam simplesmente por que são ingênuos e acreditam em tudo que leem e ouvem, e outros porque não conhecem de fato a vida e trabalho dessas pessoas. Porém não devemos acreditar em tudo de cara, devemos ouvir sempre os “dois lados” da história, e observar os frutos na vida das pessoas ANTES de abrirmos a nossa boca para falarmos delas, ou seja, antes de julgar.
Julgar é totalmente diferente de constatar. Julgar significa: pensar sem saber, falar sem saber, e até agir contra alguém sem saber dos fatos, baseado em algo que “ouvimos falar”.
Já o ato da “constatação” é o contrário do ato de “julgar”. Por exemplo, quando julgamos, estamos baseados naquilo que “achamos”, pensamos, acreditamos, mas não temos provas. Porém, quando constatamos, estamos baseados em fatos, evidências.

POR OUTRO LADO, também tenho visto um comportamento totalmente incoerente da parte de muitos, como por exemplo, a cegueira relativa à santidade que o Altar de Deus querer de nós!
A santidade parece estar em segundo plano para alguns que se dizem cristãos, e o talento e o carisma pessoal parecem ser mais importantes para esses.
Hoje em dia estão surgindo muitos “artistas gospel” (nada pessoal contra eles, porém é importante observar o perigo da desvalorização da santidade, e a supervalorização do talento em seu lugar). Muitos, por serem carismáticos, simpáticos, cantarem bem, terem músicas “legais” e animarem o “público gospel”, acabam “conquistando o público” evangélico. Porém queridos, muitas vezes esses “artistas” (apesar de terem boas intenções) podem ser pessoas que ainda não tem um testemunho genuíno, que ainda não tem FRUTOS de arrependimento, que ainda não são libertos, mas que estão em pleno processo de libertação… Ou então, simplesmente ainda não tem maturidade para compreender que seus talentos não são a coisa mais importante (e sim a santidade e a obediência). Podem ser boas pessoas, podem até ter a intenção de obedecer, mas ainda não andam em um caminho reto, e por isso ainda não tem maturidade para subir no Altar.
Porque?
Porque algumas pessoas (apesar de terem aceitado a Cristo, e apesar de terem muito talento para determinadas artes) ainda não tem maturidade para subirem no altar para ministrar??
Porque ainda AMAM O MUNDO!
O Altar não é um “palco” para dar show gospel, o Altar é a linha de frente da batalha espiritual! Para estar no Altar é preciso ser um crente maduro, e ter um testemunho de “morte” pro mundão.
Muitos desses artistas gospel são pessoas “usadas” por Deus (como qualquer outra pessoa pode ser usada) mas será que ser usado por Deus significa estar sendo APROVADO por Deus?
A Igreja se esquece que Deus usa quem Ele quer, e usa até pessoas em PECADO! Ser usado NÃO SIGNIFICA SER APROVADO.
Leia o texto: ser usado X ser aprovado: https://sarahsheeva.wordpress.com/2010/04/16/ser-usado-por-deus-no-significa-ser-a-aprovado-por-deus/

Então, apesar de muitos AINDA não terem condições espirituais para estarem no Altar de Deus, alguém os colocou nos púlpitos e nas grandes gravadoras “gospel” e os IMPULSIONOU a fama! Eles ainda não tem uma vida exemplar, ainda não tem maturidade, Porém estão nos ALTARES dos congressos e nos púlpitos das igrejas fazendo o “maior sucesso”!
São muitos que “cativaram” o público evangélico/católico/cristão brasileiro…
Porém, isso pode ser puro entretenimento-gospel, o que eu chamo de “espírito de bobo-da-côrte”, onde as pessoas só querem se divertir, não importa QUEM as diverte… não importa o CARÁTER de quem está cantando ou animando a platéia, não importa como é a vida da pessoa, nem o testemunho dessa pessoa que as diverte… Só importa o divertimento! Só importa o prazer que essas pessoas estão produzindo nos crentes!
É isso mesmo que estamos fazendo com os altares das igrejas???
Estamos fazendo o Altar se tornar um lugar de entretenimento, cheio de “fogo estranho”?!?
O Altar precisa ser um lugar SANTO de adoração a Deus!!!

Por muito tempo não vi ninguém “falando mal” de alguns “artistas” que pareciam estar na obra de Deus somente POR DINHEIRO (e não por amor a Jesus). Mas muitas vezes vi os próprios crentes falando mal de quem faz a obra por amor, de quem não cobra, de quem tem uma vida reta diante de Deus… só porque essas pessoas PREGAM A CRUZ e ensinam a RENÚNCIA!
O que está acontecendo Igreja? Já não basta o MUNDÃO nos perseguir?
Nós vamos perseguir a nós mesmos? A casa vai se dividir contra si mesma? (Marcos 3.25)
Meu Deus! A Igreja está tomada de inveja e competição ministerial?! Acorda povo! Acordem pastores!
Vejam que ministros santos e servos estão sendo maltratados, desonrados e substituídos pelo CARISMA humano, trocados, deixados de lado, porque não possuem tanto “talento” como outros que, apesar de não terem uma vida santa, possuem muito mais TALENTO e carisma… e por causa do TALENTO são mais valorizados dentro das igrejas pelas próprias lideranças!
A QUANTIDADE de pessoas (dentro de uma igreja, dentro de um evento) tem tomado o lugar da QUALIDADE das pessoas que ali estão. A qualidade (nesse caso) significa a condição do coração, a motivação. O que é mais importante para essas pessoas? O talento, o prazer, a diversão… ou a santidade??
Muitos pastores estão abrindo mão te ter um ministério de louvor SANTO no Altar, para terem um ministério de louvor com “PROFISSIONAIS” e talentos sem nenhuma santidade no Altar!!! Isso é um FATO em muitos, MUITOS LUGARES hoje em dia. Um fato triste sim, porém verdadeiro, e portanto, precisamos denunciar e lutar contra a proliferação disso.
Estamos vivendo esse tempo terrível, onde dentro da IGREJA o TALENTO é considerado mais importante (e mais valioso) que a VIDA DE SANTIDADE de um ministro de Deus!
Onde vamos parar?

539335_358605994218875_1189664592_n

O Brasil está precisando LER MAIS A BÍBLIA e… se comunicar mais, se comunicar melhor: aprender a conhecer a vida das pessoas melhor. Precisamos aprender a priorizar a SANTIDADE, e não os TALENTOS HUMANOS. Precisamos aprender a passar a informação verdadeira para as pessoas…
E a primeira “INFORMAÇÃO” que a Igreja brasileira precisa PRIORIZAR, é o TESTEMUNHO de vida das pessoas.
Testemunho não é talento gente, testemunho é a vida diária da pessoa, as coisas que a pessoa renunciou por Cristo, a mudança nas vontades da pessoa, a capacidade de se submeter a sua liderança, e a capacidade de negar-se a si mesmo para obedecer a Deus… Isso é o FRUTO na vida das pessoas, isso REVELA quem são as pessoas.

Por isso, pare de acreditar em tudo que postam nas redes sociais por aí. Pare de dar ouvidos (e olhos) a sites de fofocas gospel, onde a maioria das notícias é falsa ou tendenciosa, e onde por trás de um texto ou postagem, há uma pessoa ex-crente, que odeia a Igreja, que está ferida/ferido, e até mesmo endemoniado.
Antes de acreditar, antes de “compartilhar” no Facebook, vá atrás do testemunho de vida do ministro, da ministra de Deus… vá atrás das testemunhas que convivem com esses ministros (que são alvo de tanto falatório). Vá atrás de ler (e ver) o que dizem esses ministros que são chamados até de “hereges”… veja e ouça aqueles que convivem com eles, e não os que só falam mal sem conhecer.

E da mesma forma, antes de comprar um CD de algum “artista gospel”, ou antes de convidar uma pessoa para subir no altar da sua igreja, vá atrás do testemunho de vida, procure ver os frutos da vida dessa pessoa, e não se deixe levar pela “moda-gospel”, ou por aquilo que está fazendo “sucesso”… mas verifique antes de abrir seu coração para receber de alguém cuja vida você ainda não conhece.
O caráter sempre aparece. O tempo dirá a todos, porque VEREMOS QUEM vai PERMANECER firme no caminho de retidão da Palavra… E quem não vai.
Os que permanecerem firmes vão se destacar no meio do “joio”.  O tempo revelará.
Que Deus os abençoe,
Sarah Sheeva
10.07.14

mentiras

14 pensamentos sobre “O que é mais importante: O Talento ou a Santidade?

  1. É verdade pastora! Estão trocando a santidade e profanando os altares. Não sou perfeita não mais estou brigando contra a profanação principalmente do ‘meu Altar’e a briga é feia,e vejo que muitos não querem brigar com a própria carne. Tenho incentivado os adolescentes da minha igreja a serem santos,eu tenho buscado isso,não é fácil,a carne é tendenciosa,mais sei que é necessário,tenho aprendido na minha igreja,que altar é sagrado e devemos ter uma vida reta para estar diante dele.

  2. Sara eu sou seu fã e acho muito bom tudo que voce diz e amo a santidade.Ela é tudo mas temos que buscá-la para que ela venha do PARAÍSO PARA NOSSO INTERIOR.

  3. Pastora louvado seja o nome do Senhor pela sua vida. Isso que você disse é real. Eu mesmo era uma pessoa que criticava ministérios que Deus levantou para marcar essa geração. Hoje graças a Deus me converti disso e consigo ver a mão de Deus nesses mesmo ministérios. Paz

  4. Paz e graça…Esta é uma triste verdade no meio da igreja hoje, se você tem talento mas não tem compromisso com a palavra não faz diferença, só precisam de um louvor que agrade a maioria da igreja no culto de domingo…Misericórdia Senhor! Precisamos voltar ao primeiro amor e suas práticas.Agradar a Deus e não aos homens.

  5. Graça e Paz Pastora!
    Sábio texto, muito interessante. Esses sites de fofocas gospel a maioria das informações são tendenciosas, evito ao máximo entrar nisso. Concordo com seu pensamento.Que Deus continue abençoando vc e seu ministério.

  6. Parabéns Pastora pela seriedade na qual conduz a obra de Deus… Te admiro muito
    .. Te conheci através de Bianca Toledo e amei sua entrevista dada a Luciana Gimesis!!! Que Deus ABENÇOE cada dia mais seu chamado e sua vida… Bjs. Graça e Paz!!!

  7. Uma texto muito ruim repleto de equivocos.
    Julgar é totalmente diferente de constatar. “Julgar significa: pensar sem saber, falar sem saber, e até agir contra alguém sem saber dos fatos, baseado em algo que “ouvimos falar”.
    Já o ato da “constatação” é o contrário do ato de “julgar”. Por exemplo, quando julgamos, estamos baseados naquilo que “achamos”, pensamos, acreditamos, mas não temos provas. Porém, quando constatamos, estamos baseados em fatos, evidências.”

    JAMAIS em dicionário algum julgar possui esse significado dado acima. Isso é ridículo. Quem julga trabalha com fatos, valora eventos, análisa o que o acontece, emite juízo de valor sobre os fatos apresentados. E sem contar que nem todo julgamento é condenatório. A valoração dos fatos, a análise do que ocorreu podem levar o “acusado” por assim dizer a absolvição!

    Gosta ria de ve-la falando para um juiz que o que ele faz é baseado no que ele acha, ou ainda pensa em saber…santo Deus…como isso pode estar na mídia.

    • Ô minha querida, é sério que você entendeu que o texto está falando sobre direito?
      Amada, você não entendeu que a palavra “julgar” aqui não é no sentido da linguagem jurídica?
      A palavra “julgar” nesse post está sendo usada no sentido de “formar um conceito” e “acreditar” no que vemos ou ouvimos, e está sendo usada para dar sentido contrário à palavra “contatar”, que significa “comprovar”.
      Você não parece ser uma pessoa ignorante, por isso leia de novo e se esforce, tenho certeza que você irá entender o que o post está dizendo. Paz!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s