“Mulher, seja submissa ao seu marido” – O que a Bíblia quis dizer?

Carregando no colo

 

A submissão da mulher ao marido (que a Bíblia fala em Efésios 5.22 a 25) tem sido distorcida por muitos, há muitos séculos, talvez milênios.
Então, o que é “ser submissa”?
É a mulher reconhecer o sacerdócio do homem sobre a família.
E como funciona isso na prática e no dia a dia?
A mulher precisa ser protegida, é algo que faz bem à mulher.
Ser submissa (à maneira de Deus) é estar debaixo da proteção do marido, é deixar ele SER HOMEM, é a mulher deixar ele CUIDAR e PROTEGER ela e os filhos da forma que Deus quer que ele cuide: especialmente sendo o pastor e conselheiro de sua família, e o provedor da segurança material.
É claro que para um homem conseguir ser tudo isso, ele precisará ter Jesus Cristo como seu “Cabeça”, sua liderança, seu Senhor, Seu Dono a quem o homem será então SUBMISSO.
Da mesma forma que o homem, a mulher tem que cuidar sendo edificadora do lar e da família. Porém a Bíblia não exige da mulher um amor pelo homem a ponto dela morrer por ele! Isso é exigido SOMENTE DO HOMEM para com a mulher! Portanto a parte dos homens no casamento é MUITO MAIS PESADA e mais difícil que a parte das mulheres! É a dura verdade que muitas mulheres não percebem! E é por isso que muitos homens (crentes) TEM MEDO de se casar e de assumir essa RESPONSABILIDADE de constituir família.
Na verdade, ser submissa a alguém é muito mais fácil do que ter que amar alguém a ponto de morrer por essa pessoa!
Mas a submissão da mulher dá direito ao marido de subjugá-la?
Não. Não é bíblico.
Ser submissa ao marido não é ser MENOS importante que ele, também não é ser inferior a ele, nem ser oprimida ou subjugada por ele… se ele fizer isso, ele estará maltratando sua mulher, e por isso estará descumprindo sua parte na aliança do casamento.
Se ele fizer isso, ele estará DESOBEDECENDO a Palavra de Deus! Pois foi o próprio Apóstolo Paulo (que defendia tanto o recato das mulheres) quem disse para os maridos que eles deveriam amar sua mulher como Cristo amou a Igreja, a ponto de MORRER por ela! (Efésios 5.25).
Portanto, biblicamente, a mulher deve ser cuidada e protegida pelo marido, e ele não deve medir esforços para isso. Ele deve amá-la e cuidar dela como Cristo amou a Igreja.
Quando o homem é assim, a submissão da mulher é algo totalmente PRAZEROSO para ela e para o marido, não é forçado, não é pesado, não é desagradável, é maravilhoso!
Eu serei totalmente submissa ao meu marido, pois tenho convicção que vou escolher o cara certo para casar, e assim serei submissa a ele, e isso será um prazer para mim.
Paz, Sarah Sheeva

Carregando no colo

22 pensamentos sobre ““Mulher, seja submissa ao seu marido” – O que a Bíblia quis dizer?

  1. Pastora!!!!
    Preciso mto do seu material (livro e DVD) da defraudação emocional para o meu ministério de jovens da minha igreja!!!
    Não está disponível em seu site! Me ajude por favor.

    Aguardo seu contato!
    Att,

    Fica com Deus!

  2. Pastora, esse post foi muito útil e edificante, já o encaminhei para duas amigas que estão passando por situações complicadas em seus relacionamentos. Uma delas está noiva, e infeliz no noivado. Já é o segundo post seu que mostro a ela, e sei que a guiará para o caminho certo. Muito obrigada por cuidar de nossos corações, mesmo que não se dê conta disso.

  3. Oi Sarah amo seu ministerio.
    Gostaria de sugerir um tema para um post. Pode ser?
    Lembro você no programa ‘De frente com Gabi’ e você comentava sobre estar se estar encalhada, você comentou que encalhado nao é quem está sozinho, mas quem casou errado. Seria interessante o aprofundamento do assunto.
    Shalom Adonai
    Hadassa Sarah Sheeva. kkkk
    Deus abençoe poderosamente sua vida.
    No amor do Pai.
    Eric Queiros. (www.oroporvoce.blogspot.com)

  4. Muito legal, pastora, mais uma vez trazendo a luz um assunto muito importante que você sabiamente interpretou, que bom poder contar com o seu ministério que tantas coisas boas nos tem acrescentado, que Deus e Nosso senhor Jesus Cristo continuem sempre te inspirando em seu trabalho, parabéns…

  5. Show de mensagem ! Muito bom enquanto o meu maridão não chega vou orando para eu ser a mulher que ele sempre sonhou,e que ele também seja um verdadeiro servo que possa me dar todo esse amor responsável ! =D

  6. Que o Senhor continue derramando luz em sua vida, para transmitir de uma maneira tão linda e sábia a Palavra de Deus.

  7. E quando se vive em um Julgo desigual? Quando Deus decide chamar primeiro a mulher e o seu marido não aceita que ela viva para Cristo, a como ser sábia nessa situação? Apenas pensando! Fica na Paz!

  8. Eu tava dizendo hj prar minha prima que a mulher ela tem que ser submissa ao seu esposo em tudo que nao falta respeito pela mulher grande dona de casa etc .mais ai ela nao concordo comigo ela acha que o marido dela e um cabeçudo ela acha que o marido dela tem que fazer a vontade dela mais ai ta o poblema tem que a ver paceria dos dois so a sim a vida deles vao da certo ser nao so brigas etc

  9. Graça e paz pastora Sarah Sheeva ,belo post,uma benção,amei ,meu esposo é uma benção,um príncipe,pra mim que venho de uma família de mulheres que não eram felizes no casamento foi um milagre ter o casamento que tenho,hoje sou um referencial e maldiçãos foram quebradas através da minha vida,grande foi a luta,mas casei e sou hoje muito feliz,torço por ti ,Deus vai ti dar um príncipe de Deus lindo,beijos e abraços.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s